Ouguela (Alentejo, Portugal) em baixo; Alburquerque (Badajoz, Espanha) ao fundo.

sexta-feira, 18 de março de 2011

Isto anda tudo ligado (Sérgio Godinho)


Sérgio Godinho é um dos maiores cantores portugueses. No seu disco O irmão do meio fez uma revisão de muitas das suas canções: novos arranjos e colaborações de óptimos cantores e bandas portugueses, brasileiros, caboverdianos...

Nesta canção,"Isto anda tudo ligado", canta acompanhado pela banda de hip-hop portuguesa Da Weasel e pelo rapper brasileiro Gabriel o Pensador.


ISTO ANDA TUDO LIGADO

Ainda não vi
a impressionante mariposa ainda não
a pretendente pesarosa ainda não
a tarde morna e vagarosa ainda não
ainda não vi as duas faces da provável solidão

Ainda não vi a bomba H
ainda não vi a de neutrões
ainda não vi os meus travões
a ver se paro antes de chegar lá

Ainda não vi
o riso que tudo desvenda ainda não
o reverendo e a reverenda ainda não
o leão ferido e a sua senda ainda não
ainda não vi a face clara da possível confusão

Ainda não vi a hora H
ainda não vi a mão em V
ainda não vi o dia D
em que a guerra final começará

Quando eu nascer para a semana
ó mana
quando eu nascer para a semana
hei-de ouvir o teu parecer
hás-de me dizer
hás-de me dizer
hás-de me dizer
se é cada coisa para seu lado
ou se isto anda tudo ligado

Ainda não vi
as artimanhas da saudade ainda não
a caravana na cidade ainda não
a incorruptibilidade ainda não
ainda não vi as duas faces da provável solidão

Ainda não vi a bomba H
ainda não vi a de neutrões
ainda não vi os meus travões
a ver se paro antes de chegar lá

Ainda não vi
o abraço à porta da taberna ainda não
a ideológica lanterna ainda não
a mão que avança para a perna ainda não
ainda não vi a face clara da possível confusão

Ainda não vi a hora H
ainda não vi a mão em V
ainda não vi o dia D
em que a guerra final começará

Quando eu nascer para a semana
ó mana
quando eu nascer para a semana
hei-de ouvir o teu parecer
hás-de me dizer
hás-de me dizer
hás-de me dizer
se é cada coisa para seu lado
ou se isto anda tudo ligado

Ainda não vi
a grossa lágrima ao espelho ainda não
o grande chefe e o seu grupelho ainda não
o azul-turquesa e o vermelho ainda não
ainda não vi as duas faces da provável solidão

Ainda não vi a bomba H
ainda não vi a de neutrões
ainda não vi os meus travões
a ver se paro antes de chegar lá
Quando eu nascer para a semana
ó mana
quando eu nascer para a semana
hei-de ouvir o teu parecer
hás-de me dizer
hás-de me dizer
hás-de me dizer
se é cada coisa para seu lado
ou se isto anda tudo ligado