Ouguela (Alentejo, Portugal) em baixo; Alburquerque (Badajoz, Espanha) ao fundo.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Mais uma da Livreira Anarquista




O contexto. Uma mulher que trabalha numa livraria lisboeta, recolhe as perguntas, dúvidas, etc. de alguns clientes. Não é a brincar. Ela não inventa, nem precisa. Transcreve as palavras desses clientes, ou fregueses. A vida fornece, por vezes, coisas assim, e com muita frequência ultimamente.

O que é que vocês acham? Seriam capazes de encontrar o livro pelo qual pergunta o freguês?



O enigma de Einstein

“Eu queria um livro que esteve ali na montra há uns tempos mas que agora já não está. Onde é que está?”

* * * * * * * * * 

(Pista: a referida montra pode exibir cerca de 30 títulos que mudam todas as semanas)