Ouguela (Alentejo, Portugal) em baixo; Alburquerque (Badajoz, Espanha) ao fundo.

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Preciso mentir que te amo (Pierre Aderne e Jorge Palma)


A letra desta canção é do brasileiro Pierre Aderne, que enviou ao português Jorge Palma, quem escreveu a música. E cantam-na os dois.

Isso conta-se no site oficial de Jorge Palma.


Preciso mentir que te amo

Preciso mentir que te amo
Te dizer baixinho no ouvido
Te abraçar e fazer de conta
Que nesse amor não duvido

Preciso mentir que te amo
Os teus ombros... à frente
Esquecer que o amor que preciso
É cobarde, é valente.

(Refrão)
Acordar de manhã
E fazer um café p'rá você
Abraçar-te com cuidado
E depois adormecer-te no meu porto

Dizer que só a teu lado
É onde não durmo sozinho
Olha me mostra o caminho
Pois ri que me amas

Preciso agora de um bem
Pode ser que amanha eu me esqueça
E a olhar da janela de um trem
Um novo amor me apareça

Acordar de manhã
E fazer um café p'rá você
Abraçar-te com cuidado
E depois adormecer-te no meu porto

Preciso mentir que te amo
Te dizer baixinho no ouvido
Te abraçar e fazer de conta
Que nesse amor não duvido

Eu preciso agora de um bem
Pode ser que amanha eu me esqueça
E a olhar da janela de um trem
Um novo amor me apareça

Acordar de manhã
E fazer um café p'rá você
Abraçar-te com cuidado
E depois adormecer-te no meu porto


Jorge Palma e Pierre Aderne


O cantor e compositor Pierre Aderne é "filho de um português e uma brasileira, professores da Universidade de Brasília (UNB), nasceu na França e com um ano de idade foi trazido para Brasília. Passou sua infância e adolescência morando em Brasília, e visitando constantemente o Rio de Janeiro. "

De Jorge Palma darei mais dados quando ele voltar pelo blogue.