Ouguela (Alentejo, Portugal) em baixo; Alburquerque (Badajoz, Espanha) ao fundo.

quarta-feira, 5 de abril de 2017

Do blogue "O linguado": Dia das pós-verdades



Dia das pós-verdades

Hoje é o dia das mentiras. Mas cuidado com o que diz: o que inventar hoje pode ser verdade amanhã!

(Publicado no dia 1 de abril no blogue O linguado)

_____________________________________________


Cá pela minha parte, acrescento a definição desta palavra que quase acabou de nascer...

pós·-ver·da·de
(pós- + verdade)
substantivo feminino ou masculino

1. Conjunto de circunstâncias ou contexto em que é atribuída grande importância, sobretudo social, política e jornalística, a notícias falsas ou a versões verosímeis dos factos, com apelo às emoções e às crenças pessoais, em detrimento de factos apurados ou da verdade objectiva (ex.: a mentira e os boatos alimentam a pós-verdade; o tema do momento é o pós-verdade nas redes sociais). substantivo feminino

2. Informação que se divulga ou aceita como facto verdadeiro devido à forma como é apresentada e repetida, mas que não tem fundamento real (ex.: estas pós-verdades negam anos de evidências científicas). = FACTÓIDE


adjectivo de dois géneros e de dois números

3. Que atribui mais importância a notícias falsas ou não fundamentadas do que à verdade objectiva (ex.: era pós-verdade; política pós-verdade).


(Dicionário Priberam)