Ouguela (Alentejo, Portugal) em baixo; Alburquerque (Badajoz, Espanha) ao fundo.

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Os signos do zodíaco



Carneiro (21 de Março-19 de Abril) - Signo de Fogo da Primavera.
Touro (20 de Abril-20 de Maio) - Signo de Terra da Primavera.
Gémeos (21 de Maio-21 de Junho) - Signo de Ar da Primavera.
Caranguejo (22 de Junho-22 de Julho) - Signo de Água do Verão.
Leão (23 de Julho-22 de Agosto) - Signo de Fogo do Verão.
Virgem (23 de Agosto-22 de Setembro) - Signo de Terra do Verão.
Balança (23 de Setembro-22 de Outubro) - Signo de Ar do Outono.
Escorpião (23 de Outubro-21 de Novembro) - Signo de Água do Outono.
Sagitário (22 de Novembro-21 de Dezembro) - Signo de Fogo do Outono.
Capricórnio (22 de Dezembro-19 de Janeiro) - Signo de Terra do Inverno.
Aquário (20 de Janeiro-18 de Fevereiro) - Signo de Ar do Inverno.
Peixes (19 de Fevereiro-20 de Março) - Signo de Água do Inverno.

É assim em Portugal, mas no Brasil, Carneiro é Áries; Caranguejo, Câncer; e Balança, Libra.

Agora dizem que o calendário do zodíaco que conhecíamos até aqui está desfasado cerca de um mês. A notícia caiu como uma bomba entre os aficionados dos signos: Os astrónomos do Minnesota Planetarium Society, nos EUA, redifiniram o calendário do zodíaco. Na prática, quer dizer que a maioria de nós pertence ao signo anterior ao que julgava.

Para os curiosos, fica o calendário, segundo a nova perspetiva (reparem na novidade de um novo signo):

Capricórnio: De 20 Janeiro a 16 Fevereiro
Aquário: De 16 Fevereiro a 11 Março
Peixes: De 11 Março a 18 Abril
Carneiro: De 18 Abril a 13 Maio
Touro: De 13 Maio a 21 Junho
Gémeos: De 21 Junho a 20 Julho
Caranguejo: De 20 Julho a 10 Agosto
Leão: De 10 Agosto a 16 Setembro
Virgem: De 16 Setembro a 30 Outubro
Balança: De 30 de Outubro a 23 Novembro
Escorpião: De 23 a 29 Novembro
Serpentário (Ophiuchus): De 29 Novembro a 17 Dezembro
Sagitário: De 17 Dezembro a 20 Janeiro

A entrada do novo signo pode provocar uma mudança considerável no horóscopo. O Ophiuchus, também conhecido como Serpentário, já existia em outras versões do zodíaco, segundo o jornal Folha de S. Paulo.

Os 12 signos considerados atuais foram definidos há quase 3.000 anos e, segundo os astrônomos, a posição das constelações em relação ao Sol mudou.