Ouguela (Alentejo, Portugal) em baixo; Alburquerque (Badajoz, Espanha) ao fundo.

terça-feira, 12 de novembro de 2013

Uns versos de Arnaldo Antunes



Arnaldo Antunes é um cantor brasileiro. Alguém conhece? Não? E um grupo chamado Tribalistas, que cantava uma canção intitulada "Já sei namorar"...? Também não? Vamos comprovar quem é que conhece clicando no link.
 
Bem, Arnaldo Antunes, mais Marisa Monte e Carlinhos Brown formaram os Tribalistas. Mas para além de cantor e compositor, Antunes é poeta, e já publicou livros de versos.


ROTINA

A idéia é a rotina do papel.
O céu é a rotina do edifício.
O início é a rotina do final.
A escolha é a rotina do gosto.
A rotina do espelho é o oposto.
A rotina do perfume é a lembrança.
O pé é a rotina da dança.
A rotina da garganta é o rock.
A rotina da mão é o toque.
Julieta é a rotina do queijo.
A rotina da boca é o desejo.
O vento é a rotina do assobio.
A rotina da pele é o arrepio.
A rotina do caminho é a direção.
A rotina do destino é a certeza.
Toda rotina tem sua beleza.